INCLUSÃO DIGITAL

TV Digital: Por audiência, TVs querem rever critério para migração em Brasília

Luís Osvaldo Grossmann ... 21/07/2016 ... Convergência Digital

No ano passado, em busca dos 93% de domicílios prontos para receber os sinais digitais na cidade de Rio Verde (GO), teles, tevês, governo e Anatel fizeram ajustes nos parâmetros da pesquisa que mede a preparação dos lares. Apesar da ginástica estatística, a primeira cidade do cronograma teve o desligamento adiado e acabou sofrendo o ‘apagão’ analógico dois meses depois do previsto ainda abaixo da meta: seriam 85% os lares aptos a receber os sinais digitais. 

Mas o acordo que valeu para a cidade goiana agora está sendo revisto. As emissoras de televisão temem adotar alguns dos mesmos critérios para o desligamento dos sinais analógicos em Brasília, previsto para 26 de outubro – a data original seria 4 de abril último. 

“Há uma proposta de se rever a decisão tomada para a pesquisa de Rio Verde, mas ainda não há uma posição efetiva. A radiodifusão pediu mais tempo para avaliar e fazer uma proposta”, explica o coordenador do grupo de implementação da digitalização, o conselheiro da Anatel Rodrigo Zerbone. A próxima reunião para discutir o assunto será em 2 de agosto. 

A preocupação das emissoras de televisão é com o critério pelo qual todas as residências que tenham aparelhos de TV de tela fina são contabilizadas como aptas a receber os sinais digitais. Trata-se de uma mudança adotada na pesquisa quando o percentual de lares supostamente preparados em Rio Verde ainda flutuava na casa dos 60%. 

Na época, a mudança foi autorizada pelo Gired com a chancela das emissoras de televisão. E o desligamento, como visto, se deu somente em 1º de março, sem que o almejado percentual de 93% tivesse sido atingido. Também aí as emissoras aceitaram proceder com o ‘apagão’ analógico fora da meta.  Ressalte-se que as emissoras até sustentaram, então, que as medidas adotadas em Rio Verde seriam extraordinárias, de forma a não estabelecerem um precedente para o resto do cronograma.

Mas também não custa lembrar que pesou na época a interpretação de que os custos para elevar ainda mais o percentual de lares preparados seria superior ao ganho. Não é exatamente uma surpresa, portanto, que as emissoras deem sinais de preocupação com a perda de audiência em uma praça muito mais relevante economicamente. 


Carreira
Jovens entre 18 e 24 anos são os mais vulneráveis à demissão

Os dados foram divulgados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Segundo o órgão, são os jovens os que mais enfrentam dificuldades para encontrar uma posição de trabalho. Trabalho informal é o que mais cresce no Brasil.

Viasat alega que TCU já atestou legalidade do contrato com Telebras

Para empresa americana, agravo contra o acordo movido pela Procuradoria Geral da República é baseado em mal entendidos.

America Net: Programa WiFi Livre SP une risco e oportunidade de negócios

Operadora investirá R$ 20 milhões na iniciativa e aposta que o retorno virá com a exposição da marca junto aos assinantes, revela o vice-presidente, José Luiz Pelosini. America Net vai ter 619 pontos de acesso WiFi gratuito público na capital paulista.

Um terço das casas no Brasil usam antenas parabólicas

Segundo o IBGE, são 23 milhões de domicílios, bem espalhados pelo país. Isso revela o problema que a Anatel terá para mitigar as interferências e liberar a faixa de 3,5GHz para o 5G.

Internet chega a 3 de cada 4 domicílios no Brasil

Nas mãos de 84% dos brasileiros, o celular é o típico aparelho para uso da rede. Mas as conexões fixas já alcançam 73% dos lares do país, conforme dados da PNAD Contínua TIC 2017, do IBGE. Mas quase 30% da população ainda acha que o acesso à Internet é caro.

Viasat: TCU controla viabilidade de acordo com Telebras

Segundo a vice presidente da empresa, Lisa Scapone, a demanda existe e pode ser medida pelo Gesac, mas operação comercial no Brasil depende dos ajustes no contrato para uso do satélite nacional.

Anatel indica que banda larga móvel pode ficar com sobras da TV Digital

“Edital tinha dois objetivos: a transição do sistema de TV digital e o desenvolvimento da banda larga móvel no país”, afirma presidente da agência, Leonardo de Morais. Saldo chega a R$ 877 milhões.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G